Exames
Avaliação de Neuropatia Diabética

Não é incomum que conheçamos algum paciente diabético que precisou de uma amputação de dedo ou até mesmo do pé inteiro. Infelizmente!! Múltiplos fatores levam a esse desfecho trágico, no entanto é fato comprovado por diversos estudos que realizar anualmente o exame do pé diabético pode diminuir e muito essa complicação. 

Para que serve exatamente o exame do pé diabético?
Antes de mais nada, é bom que se diga que amputações de membros inferiores só são uma realidade para pacientes que não fazem controle rigoroso da diabetes, ou seja, passam muito tempo sem ir ao médico e consequentemente não realizam os exames de rastreio de lesões em órgãos alvo. É bom que se diga que a avaliação do pé diabético tem como função primordial avaliar uma das principais complicações dos níveis descontrolados de açúcar no sangue:  a neuropatia. Quando o profissional está realizando o exame ele avalia o padrão de sensibilidade dos membros inferiores do paciente. 

A intenção de constatar alterações na sensibilidade é prevenir o paciente de que ele pode, por exemplo se machucar e não perceber, fazendo com que exista a entrada de microorganismos capazes de causar infecção. Quando associamos esse fator ao fato da deficiência de chegada do sangue por lesões microvasculares que os pacientes diabéticos têm encontramos a condição propensa para complicações desta infecção que levam, se não tratada, em alguns casos as amputações.

Existe algum diferencial no exame do pé diabético realizado o Núcleo de Endocrinologia e Diabetes?
Sim! Aqui no Núcleo nossos profissionais utilizam um software amplamente reconhecido para auxiliar o exame que foi desenvolvido por médicos da instituição. Pioneirismo puro! O CISPED nos dá muito orgulho e já auxiliou milhares de profissionais a prevenir complicações do diabetes.

Como agendar o exame do pé diabético?
Basta nos contatar através do formulário abaixo, dos nossos números de contato ou das nossas redes sociais. Tire suas dúvidas imediatamente!